"Jardim das Descobertas" é o tema da Edição que alberga jardins de três continentes.

8 países, 12 jardins, 13 edições, e várias centenas de milhar de visitantes, o Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima está de volta para a edição de 2017.

Este evento é o único festival do género em solo nacional, e distinguido com o título Garden Tourism Awards, mantém-se como referência ao nível da inovação e da preservação da natureza, surgindo este ano sob o tema "Jardim das Descobertas".

"Novaterra", "El Secreto", "Inventionem Arcus", "A Viagem das Descobertas", "A Globalização das Plantas", "Um Jardim para Descobrir", "A Descoberta dos Sentidos", "Descobre a Desoberta", "Intersezione Ponte de Lima", "El Jardin del Circulo" e "Jardim dos Sete Continentes", são os nomes dos jardins em exposição permanente, que o visitante vai ter a oportunidade de visitar. A par de "96 Por Cento", o jardim mais votado pelos visitantes na edição de 2016.

A 13.ª edição do FIJ reúne candidaturas dos quatro quadrantes do globo, estando patentes ao espaço, de 26 de maio, a 31 de outubro, projetos da Argentina, do Brasil, da Áustria, da Itália, da Holanda e ainda do Japão, apresentando-se Portugal e Espanha com duas propostas cada.

A contagem decrescente para a abertura do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima já começou, sendo que o espaço inaugura a 26 de maio, pelas 16h00, numa cerimónia presidida por Célia Ramos, Secretária de Estado do Território e da Conservação da Natureza.

A edição deste ano inclui ainda, pelo 3.º ano consecutivo, o Festival de Jardins Escolinhas de Ponte de Lima. O conjunto de 12 jardins expostos, um por cada centro educativo do concelho, é dinamizado pelo Serviço Educativo da Área Protegida, e pela Câmara Municipal.

Sustentabilidade, Percursos Verdes, e Ecoturismo - Ponte de Lima prima pela promoção destes três conceitos, orgulhando-se do lugar de destaque que ocupa em termos nacionais, relativamente aos assuntos supra mencionados. Por entre Festival Internacional de Jardins, Ecovias, e diversos espaços ajardinados, só a cargo do Município são mais de 50 hectares de espaços verdes, numa região em cuja aposta na sensibilização para a proteção e promoção do património natural e ecológico é veemente.

Durante o corrente mês, junho, e julho, o Festival pode ser visitado das 10h00 às 20h00, em setembro, das 10h00 às 12h00 e das 13h00 às 19h00 e em outubro, encerra às 18h00. No período da manhã de segunda-feira o Festival de Jardins encontra-se encerrado para se realizar a manutenção do mesmo.

A edição de 2018 já tem tema, "O Clima nos Jardins", e mais uma vez procuram-se projetos inovadores, sendo que as candidaturas para a referida edição, abrem a par da abertura do FIJ 2017.

18 Maio 2017